Madeira garapeira - Madepal - Portas e Janelas BH
Belo Horizonte-MG (31) 3526-1000 Seg a Sexta - 8:00 às 18:00 / Sábado de 08:00 às 14:00
 
SOLICITE UM ORÇAMENTO

YOUR CART

Edit Cart
  • No products in the cart.

Madeira garapeira

Madeira garapeira

Olhe ao redor. Provavelmente, você verá alguns objetos da sua casa, do seu trabalho ou do ambiente em que você está que são feitos de madeira. O ser humano, há milhares de anos, usa o material fornecido pelas árvores como matéria-prima para construção de milhares de coisas que fazem parte do nosso dia a dia, como os guarda-roupas, portas, mesas, dentro outros.

Contudo, também podemos observar que, apesar de sabermos que são feitos de madeira, notamos várias diferenças entre o material de uma porta e um guarda-roupa, por exemplo. Isso se deve ao fato de que são matérias-primas advindas de diferentes tipos de espécies de árvores, as quais possuem características distintas e propriedades diferentes entre si.

Nessa linha de pensamento, podemos exemplificar uma madeira muito utilizada no Brasil, para vários fins. Essa é a madeira garapeira. Nesse artigo iremos falar mais dessa espécie, de suas especificidades e dos possíveis usos relacionados a essa matéria-prima.

A Garapeira

A Garapeira é uma árvore comum na América do Sul, com ocorrências mais comuns na Mata Atlântica, com começo na Bahia e até em regiões do Rio Grande do Sul. Além disso, pode ser encontrada em outros países, como Argentina, Uruguai e Paraguai. Há uma espécie muito parecida com a garapeira que ocorre na região da Floresta Amazônica, a qual é conhecida como mofaris.

De nome científico Apuleia Ieiocarpa e da família Leguminosae-Caesalpiniaceae, a garapeira é popularmente conhecida por vários outros nomes no Brasil. Destes, destacam-se garapa, muirajuba, gema-de-ovo, amarelinho, garapa-amarela, grápia e jatobá-amarelo.

É uma árvore alta, que varia de 25 a 30 metros, podendo chegar até 35 metros em condições favoráveis. O tronco, de onde é tirada a matéria-prima, possui um diâmetro que varia entre 60 e 90 centímetros.

A Garapeira como árvore pode ser usada no paisagismo em geral, uma vez que quando cresce isoladamente e de forma controlada, pode adquirir uma copa com visual agradável e cheio.  

A Garapeira como matéria-prima

Como já falado anteriormente, a garapeira é bastante utilizada como matéria-prima para várias finalidades, principalmente relacionada com a construção civil. A madeira dessa árvore possui uma densidade que é considera moderadamente pesada, estipulada em 0.83g/cm³.

A madeira possui uma boa trabalhabilidade, tendo em vista que possui transformação fácil e recebe com facilidade os acabamentos a que pode ser submetida. Contudo, sua secagem ao ar é um pouco complicada, pois apresenta facilidade de rachaduras. Desse modo, depois da aplicação de acabamentos, é proveitoso que se utilize de métodos especiais de secagem, que não sejam ao ar livre.

É uma madeira com boa durabilidade, podendo manter uma boa aparência ao longo dos anos. Contudo, não é proveitoso sua exposição a condições climáticas muito variadas, como muita chuva e temperaturas altas, pois isso pode causar rachaduras e deformações com facilidade no material. Em ensaios feitos em laboratório, observou-se que, apesar de ter boa resistência frente ao apodrecimento, a madeira de garapa é facilmente atacada por cupins.

Se preserva bem ao longo dos anos, principalmente se usada e trabalhada da forma correta. Além disso, possui baixa permeabilidade contra soluções, o que aumenta a sua preservação.

Utilizações da madeira garapeira

Em pesquisas feitas junto ao Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), concluiu-se que a madeira garapeira é proveitosa em alguns usos específicos. Desses, destacam-se:

Construção civil:

  • Uso externo: Pontes, mourões, cruzetas, estacas, dormentes ferroviários;
  • Uso interno pesado: Vigas;
  • Uso em esquadrias leves: Portas, caixilhos e venezianas;
  • Uso interno leve: forros, guarnições, rodapés;

Assoalhos (chão):

  • Tacos, degraus de escada, parques e tábuas;

Mobiliários:

  • Apenas para móveis decorativos de alta qualidade;

Além disso, pode ser utilizado como cabos de ferramenta, em barris de cerveja, para a confecção de cordões resistentes e como matéria-prima para carrocerias de caminhões.

About Author : root
YOU MAY ALSO LIKE